Hino


Hinos de São Pedro

Letra: Ideney Gonçalves de Oliveira
Música: Antônio Carlos Veronezi

Das florestas nasceste, da serra e do gado
Demarcando as veredas calcadas no chão,
E o tropeiro valente, sozinho e cansado,
Semeou os primórdios de teu coração.

Estribilho:
Ó São Pedro de encanto e de glória,
Ponto a ponto, serena e gentil,
Vais bordando no pano da história,
Um poema de amor ao Brasil.

Palpitante, cresceste, juntando em teu seio,
Do Brasil e da Itália a ternura e a bondade,
Se tornando em verdade, com paz, sem receio,
Capital do turismo e da hospitalidade.

Tudo em ti transparece em fulgor e beleza:
És trabalho pujante, és magia sem par,
Artesã dos meus sonhos, de irmã natureza,
Minha doce São Pedro, meu berço, meu lar...

Que teus filhos felizes estejam contigo,
Na canção do progresso, que eleva e conduz,
Bendizendo teu solo e teu céu sempre amigo,
Confiantes buscando um futuro de luz.


 
 
Hino da cidade 2
 
EXALTAÇÃO A SÃO PEDRO
 
Letra: Aécio Flora
Música: Florivaldo de Almeida Leme (Chicoca)
 

Foram homens ousados, valentes,
Que um dia adentraram aqui;
Densa mata e, em lutas ingentes,
Transpuseram a Itaqueri!
 
Nem o sol inclemente no estio,
Nem as chuvas no inverno ou verão,
Nem as lutas co’o inculto gentio
Impediram fazer “Picadão”!
 
E o exemplo da grande conquista
Se repete no afã de sua gente
Que em São Pedro, com fibra paulista,
Faz de honroso passado, o presente!
 
O caminho serpeando a serra
Foi rasgando a rudeza, o sertão,
E do suor derramado na terra
Germinou a civilização!
 
Tudo aqui é beleza inaudita,
É encanto de raro esplendor!
É um orgulho esta terra bendita
Onde tudo é Brasil e Amor”!
 
E o exemplo da grande conquista
Se repete no afã de sua gente
Que em São Pedro, com fibra paulista,
Faz de honroso passado, o presente!